Login form protected by Login LockDown.


Depois de muita expectativa e especulações, começou a operar o mais novo serviço de streaming do planeta: a Apple Music!

Concorrendo com os queridinhos Spotify, Deezer e Rdio, o serviço da Apple Music foi liberado dia 30 junho, através do aplicativo Music.

applemusic

Os três primeiros meses de assinatura serão gratuitos, depois disso a mensalidade custa 10 dólares. Haverá ainda a opção do pacote família, para até seis usuários, no valor de $15 por mês.

Disponibilizar CDs em streaming tem sido um dos serviços de maior sucesso nos últimos tempos, o que prova que artistas e demais profissionais que lidam com música estão seguindo essa nova e fundamental tendência: deixar seus trabalhos acessíveis de modo digital.

 

Conhecendo a novidade

 

Mas tem muita gente se perguntando: “Porque a Apple Music é mais vantajosa?” ou

“Porque eu largaria meu amado Spotify, por exemplo, pra aderir ao streaming de outra empresa que teoricamente oferece a mesma coisa?”

Bom, listamos algumas das vantagens e novidades que chegam com o novo serviço:

– O serviço de música da Apple terá uma rede social exclusiva para músicos. Em seus perfis, eles poderão postar arquivos de mídia, como amostras de músicas e participação no conteúdo de outros artistas.

– Os usuários comuns poderão curtir e comentar essas atividades usando suas contas do iTunes, mas também poderão desativar o recurso caso não queiram ver atualizações dos artistas.

– A Apple Music combinará download de música, rádio online e streaming de música em um único aplicativo.

– O aplicativo permitirá que os usuários ouçam suas próprias músicas, sejam elas compradas na iTunes Store, importadas de um CD ou baixadas de um blog de música.

– O serviço da Apple irá também, de forma inteligente, “aprender” sobre os gostos do usuário e, assim, recomendar novos artistas e álbuns.

– Além do serviço de streaming de música, na qual o usuário escolhe músicas do catálogo para tocar, o Music oferece ainda rádio online, que tomará o lugar do antigo iTunes Radio, e que agora passa a contar com alguns artistas célebres – como Will.i.am, Pharrell, Drake, além do próprio Dr. Dre – comandando as trilhas tocadas em algumas das estações.

– Com o Music, a Apple colocará pela primeira vez um serviço seu na loja de aplicativos do concorrente Android, do Google. O atual Beats Music, presente em celulares e tablets Android, será substituído pelo novo serviço, que fará a migração automática das contas dos seus atuais usuários. A única diferença é que o lançamento na plataforma rival se dará apenas no terceiro trimestre.

 

E aí, deu pra se animar com a novidade? Os apaixonados por música estão vibrando com mais essa opção, principalmente quem é fã e acompanha todos os lançamentos da Apple.

Vale lembrar que o aplicativo será automaticamente disponibilizado em todos os iPhones e iPads e  também pode ser utilizado nos aparelhos com o sistema Android e Windows.

 

Agência Petra

 

Apesar da crescente divulgação e adesão, muitos profissionais ainda relutam ou desconhecem a importância dessa tecnologia. Outros sabem que precisam fazer, mas não sabem qual o caminho das pedras para viabilizar essa expansão digital de suas músicas. Daí a importância da assessoria e trabalhos como os da Agência Petra, que dá todo suporte e possibilita que o CD de um artista possa ser ouvido em mais de 20 plataformas digitais, incluindo as mais requisitadas e usadas da atualidade (Spotify, iTunes, Deezer, Rdio, entre outras)

Os clientes da Agência Petra vão usufruir da novidade em primeira mão. Todos os cantores(as) e bandas que fizeram distribuição digital de seus CDs com a agência terão seus trabalhos inclusos na nova plataforma automaticamente! E quem fechar o serviço daqui pra frente já terá essa inclusão garantida também.

 

Por Viviane Eduardo
(Fontes: Revista Info, Portal Yahoo e G1)