Login form protected by Login LockDown.


Sua voz é meiga, como de costume, filha caçula da família Valadão. Mariana começou a cantar aos 16 anos no Ministério Diante do Trono a convite de sua irmã Ana Paula Valadão. Lançando o novo álbum Santo, este que é um dos projetos mais aguardados para o ano de 2013, primeiro porque marcou a mudança de gravadora, onde ela trocou a Graça Music pela multinacional Sony Music, segundo por que ela trouxe em seu repertório algo novo para o que ela canta e Ruben di Souza deu uma roupagem diferente à cantora. Essa busca por inovação trouxe a cantora acompanhada de um back digno de cantora pentecostal. Estamos falando do quarto álbum de Mariana.

Com este novo projeto que tivemos o prazer de analisar vem com muitas novidades musicalmente falando, e também de a cantora ter se mudado para o Rio de Janeiro junto ao filho, Tito e o esposo Felipe Valadão em julho deste ano. E em poucos meses, inaugurou a Igreja Lagoinha Niterói, que em pouco mais de dois meses já contava com 1200 membros. E vamos a análise de seu novo álbum.

A primeira faixa Se eu me render traz um pop com muitos loops, lembra a ideia de seus álbuns anteriores, tirando o backing que aparece já no coro da faixa em uníssono, a composição é de Lindsey Passos. Já nesta faixa ela traz uma ponte que remete ao nome do projeto. A ponte caiu como uma luva na faixa que já vinha boa, vem com um pesado vocal também e fica um tempo por aqui e depois volta crescida no coro. A faixa que foi escolhida como single é a Só uma Frase de Tony Ricardo, é um pop/ pentecostal não ficou muito a cara da cantora, mas quem a viu ao vivo levou muito bem, sem o backing de fundo, uma das melhores canções do compositor Tony Ricardo que trabalha muito para os artistas pentecostais. A intro e interlúdio vem com melodias que marcam, é uma sequência que cresce o backing dá apoio. Diferente de outras ela não tem ponte, nem precisa a música por si só é forte, o coro muito bem construído “Sou pequeno, mas meu Deus é grande, sou momento Ele é a eternidade, Ele é tudo, eu sou só uma frase, mas eu sei, Ele não me esqueceu, uma história linda Ele escreveu, faço parte dos planos de Deus, Eu sou dEle e Ele é meu”. Saiu o clipe:

Com muitos riffs de violão e a cama com o som do violão e alguns efeitos no teclado ao fundo pra dar cama à faixa Te Amar, composição de Dave Marinelli e Noe Marinelli. A música tem um pouco de folk pop, os riffs de guitarra vão surgindo, e o backing vem forte na pegada, algumas vezes você se deixa levar por esse backing que “engole a cantora”. As duas vezes que ela volta ao coro pra finalizar a faixa, musicalmente os instrumentos vem na pegada e o vocal abusa. Que amo é esse? no original What love is this? interpretada pela excelente e brilhante Kari Jobe. A voz de Mariana aqui está cheia de ar, o piano na abertura com alguns lances de cordas dão um brilho à faixa que diz “que amor é esse? que deu sua vida por mim, e abriu um novo e vivo caminho, eu reconheço, tu és suficiente pra mim tudo para mim”. A versão ficou por conta de sua irmã Ana Paula Valadão. A versão aqui ganhou um backing vocal novo, a ideia é deixar grande a música, um dos pontos altos do projeto.

Uma boa surpresa e também curiosa participação especial de Maurício Manieri, com a faixa Hoje de sua autoria, ele já gravou em um de seus projetos. A cantora comenta desta faixa diz: “em que ele teve uma forte experiência com Deus depois de uma depressão que sofreu após a morte de seu irmão. Manieri conta que ouviu Deus lhe dizendo: “Canta para mim eu quero te ouvir”. Em poucos minutos a música nasceu em um momento de cura e libertação.” E ele claro participou juntamente com a cantora. Ruben não descaracterizou a música, deixou a vibe rock pop que já vinha no original, é uma faixa com o duo e o piano e cordas, bem orquestrada. Intimista cheia de sentimento, outro ponto forte do projeto.

Sabe aquelas músicas que você vai ouvindo os primeiros segundos e já fica com aquela vontade de levantar as mãos? Então essa é uma delas, os primeiros segundos trazem riffs de guitarra e loops, Santo ou melhor Holy, uma versão, canção de Matt Redman, Jason Ingram, Jonas Myrin e a versão ficou com Ana Paula Valadão e Emerson Pinheiro. Esta é a faixa que leva o nome do CD, não só esta faixa mas segundo a cantora este álbum reflete o que a cantora tem vivido nestes dois últimos anos em que lançou o álbum anterior. Bem congregacional a faixa, instrumental bem construído.

O instrumental do projeto ficou diferente dos álbuns anteriores da cantora, a princípio achei fraco, mas você vai ouvindo aquele vocal pesado, o instrumental mais intimista sem muito peso, mas você ouve uma, duas, três vezes e vai se identificando com o CD, com a música que Mariana Valadão traz.

E finalizamos com este making of das fotos do projeto.


marianavaladao_santoSelo: Sony Music
COMPRAR CD

Playlist: Se eu me render | Seu nome é Jesus | Só uma frase | Te amar | Que amor é esse? | Hoje | Teu amor me atrai | Santo | A Ele honrarei | Celebrar | A minha oferta

Sua voz é meiga, como de costume, filha caçula da família Valadão. Mariana começou a cantar aos 16 anos no Ministério Diante do Trono a convite de sua irmã Ana Paula Valadão. Lançando o novo álbum Santo, este que é um dos projetos mais aguardados para o ano de 2013, primeiro porque marcou a mudança de gravadora, onde ela trocou a Graça Music pela multinacional Sony Music, segundo por que ela trouxe em seu repertório algo novo para o que ela canta e Ruben di Souza deu uma roupagem diferente à cantora. Essa busca por inovação trouxe a cantora acompanhada de um back digno de cantora pentecostal. Estamos falando do quarto álbum de Mariana. Com este novo projeto que tivemos o prazer de analisar vem com muitas novidades musicalmente falando, e também de a cantora ter se mudado para o Rio de Janeiro junto ao filho, Tito e o esposo Felipe Valadão em julho deste ano. E em poucos meses, inaugurou a Igreja Lagoinha Niterói, que em pouco mais de dois meses já contava com 1200 membros. E vamos a análise de seu novo álbum. A primeira faixa Se eu me render traz um pop com muitos loops, lembra a ideia de seus álbuns anteriores, tirando o backing que aparece já no coro da faixa em uníssono, a composição é de Lindsey Passos. Já nesta faixa ela traz uma ponte que remete ao nome do projeto. A ponte caiu como uma luva na faixa que já vinha boa, vem com um pesado vocal também e fica um tempo por aqui e depois volta crescida no coro. A faixa que foi escolhida como single é a Só uma Frase de Tony Ricardo, é um pop/ pentecostal não ficou muito a cara da cantora, mas quem a viu ao vivo levou muito bem, sem o backing de fundo, uma das melhores canções do compositor Tony Ricardo que trabalha muito para os artistas pentecostais. A intro e interlúdio vem com melodias que marcam, é uma sequência que cresce o backing dá apoio. Diferente de outras ela não tem ponte, nem precisa a música por si só é forte, o coro muito bem construído "Sou pequeno, mas meu Deus é grande, sou momento Ele é a eternidade, Ele é tudo, eu sou só uma frase, mas eu sei, Ele não me esqueceu, uma história linda Ele escreveu, faço parte dos planos de Deus, Eu sou dEle e Ele é meu". Saiu o clipe: Com muitos riffs de violão e a cama com o som do violão e alguns efeitos no teclado ao fundo pra dar cama à faixa Te Amar, composição de Dave Marinelli e Noe Marinelli. A música tem um pouco de folk pop, os riffs de guitarra vão surgindo, e o backing vem forte na pegada, algumas vezes você se deixa levar por esse backing que "engole a cantora". As duas vezes que ela volta ao coro pra finalizar a faixa, musicalmente os instrumentos vem na pegada e o vocal abusa. Que…

CD Santo - Mariana Valadão

Total - 5.5

5.5

Geral

User Rating: Be the first one !
6